Portuguese English Spanish
Interface
Adjust the interface to make it easier to use for different conditions.
This renders the document in high contrast mode.
This renders the document as white on black
This can help those with trouble processing rapid screen movements.
This loads a font easier to read for people with dyslexia.
Busca Avançada
Você está aqui: Notícias » Inspiração para a formação de cientistas

Inspiração para a formação de cientistas

Legado de Alexandre Peixoto é homenageado em curta metragem lançado na entrega do Prêmio IOC de Teses. Nove projetos premiados foram apresentados
Por Maíra Menezes11/09/2018 - Atualizado em 23/01/2024

Em sua 6ª edição, o Prêmio Anual IOC de Teses Alexandre Peixoto reconheceu nove projetos desenvolvidos nos Programas de Pós-graduação do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz). A cerimônia de entrega da premiação, realizada nesta terça-feira, 11/09, na abertura da Semana de Pós-graduação Stricto sensu do IOC, foi marcada pela exibição do curta metragem ‘De ciência e som: um memorial a Alexandre Peixoto’, produzido pelo Serviço de Jornalismo e Comunicação do Instituto.

O evento contou ainda com as apresentações dos trabalhos vencedores, em sessão extraordinária do Centro de Estudos do IOC. A atividade foi realizada no Auditório Emmanuel Dias, no Pavilhão Arthur Neiva, no campus da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) em Manguinhos, Zona Norte do Rio de Janeiro.

Vencedores do Prêmio IOC de Teses Alexandre Peixoto 2018 foram reconhecidos em sessão extraordinária do Centro de Estudos. Foto: Foto: Gutemberg Brito

Com depoimentos de pesquisadores que conviveram de perto com Alexandre Afrânio Peixoto e registros de entrevistas concedidas por ele, o filme destaca traços marcantes da personalidade do especialista em genética, como a criatividade científica e a generosidade na formação de jovens cientistas. Então chefe do Laboratório de Biologia Molecular de Insetos e coordenador do Programa de Pós-Graduação em Biologia Celular e Molecular do IOC, Alexandre faleceu precocemente em 2013.

O Prêmio IOC de Teses foi criado no mesmo ano, após uma consulta interna à comunidade do Instituto, que escolheu a melhor forma de homenagear o pesquisador. Confira o filme:

 

Melhores teses de 2018

Selecionados pelas Coordenações dos Programas de Pós-graduação do IOC, os trabalhos vencedores do Prêmio Alexandre Peixoto são indicados ao Prêmio Capes de Tese ou ao Prêmio Capes-Interfarma de Inovação e Pesquisa.

Em 2018, os estudos destacados apresentam resultados que podem contribuir para o desenvolvimento de novos tratamentos, inseticidas, vacinas e testes de diagnóstico, além de achados inéditos e abordagens inovadoras nos campos da parasitologia, bioinformática e educação.

Saiba mais sobre as teses premiadas:

 

Teses ganhadoras do Prêmio Alexandre Peixoto 2018 apresentam contribuições para o controle de moscas, desenvolvimento de antivirais e terapias contra micose
Parasitoses intestinais, diagnóstico da hepatite B e ensino de química são temas de teses vencedoras do Prêmio Alexandre Peixoto 2018
Teses vencedoras do Prêmio Alexandre Peixoto 2018 assinalam novas perspectivas em estudos sobre resposta imune na leptospirose, vacinas para malária e câncer de pulmão
Legado de Alexandre Peixoto é homenageado em curta metragem lançado na entrega do Prêmio IOC de Teses. Nove projetos premiados foram apresentados
Por: 
maira

Em sua 6ª edição, o Prêmio Anual IOC de Teses Alexandre Peixoto reconheceu nove projetos desenvolvidos nos Programas de Pós-graduação do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz). A cerimônia de entrega da premiação, realizada nesta terça-feira, 11/09, na abertura da Semana de Pós-graduação Stricto sensu do IOC, foi marcada pela exibição do curta metragem ‘De ciência e som: um memorial a Alexandre Peixoto’, produzido pelo Serviço de Jornalismo e Comunicação do Instituto.

O evento contou ainda com as apresentações dos trabalhos vencedores, em sessão extraordinária do Centro de Estudos do IOC. A atividade foi realizada no Auditório Emmanuel Dias, no Pavilhão Arthur Neiva, no campus da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) em Manguinhos, Zona Norte do Rio de Janeiro.

Vencedores do Prêmio IOC de Teses Alexandre Peixoto 2018 foram reconhecidos em sessão extraordinária do Centro de Estudos. Foto: Foto: Gutemberg Brito

Com depoimentos de pesquisadores que conviveram de perto com Alexandre Afrânio Peixoto e registros de entrevistas concedidas por ele, o filme destaca traços marcantes da personalidade do especialista em genética, como a criatividade científica e a generosidade na formação de jovens cientistas. Então chefe do Laboratório de Biologia Molecular de Insetos e coordenador do Programa de Pós-Graduação em Biologia Celular e Molecular do IOC, Alexandre faleceu precocemente em 2013.

O Prêmio IOC de Teses foi criado no mesmo ano, após uma consulta interna à comunidade do Instituto, que escolheu a melhor forma de homenagear o pesquisador. Confira o filme:

 

Melhores teses de 2018

Selecionados pelas Coordenações dos Programas de Pós-graduação do IOC, os trabalhos vencedores do Prêmio Alexandre Peixoto são indicados ao Prêmio Capes de Tese ou ao Prêmio Capes-Interfarma de Inovação e Pesquisa.

Em 2018, os estudos destacados apresentam resultados que podem contribuir para o desenvolvimento de novos tratamentos, inseticidas, vacinas e testes de diagnóstico, além de achados inéditos e abordagens inovadoras nos campos da parasitologia, bioinformática e educação.

Saiba mais sobre as teses premiadas:

 

Edição: 
Raquel Aguiar
Vinicius Ferreira

Permitida a reprodução sem fins lucrativos do texto desde que citada a fonte (Comunicação / Instituto Oswaldo Cruz)