Portuguese English Spanish
Interface
Adjust the interface to make it easier to use for different conditions.
This renders the document in high contrast mode.
This renders the document as white on black
This can help those with trouble processing rapid screen movements.
This loads a font easier to read for people with dyslexia.

vw_cabecalho_novo

Busca Avançada
Você está aqui: Pesquisa » Laboratórios » Laboratório de Esquistossomose Experimental (vigente até jan/23)

Laboratório de Esquistossomose Experimental (vigente até jan/23)

Este Laboratório esteve vigente até janeiro de 2023, após a finalização do processo de credenciamento e recredenciamento de Laboratórios do Instituto Oswaldo Cruz, referente ao período 2015-2023.

O Laboratório de Esquistossomose Experimental do IOC se dedica, desde a década de 1980, ao desenvolvimento da vacina brasileira contra a esquistossomose e fasciolose, a partir do antígeno recombinante Sm14. Essa proteína foi o único candidato vacinal para Esquistossomose selecionado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), que emergiu de um país endêmico para a doença.

Em 2015, o LEE passou a contar com uma nova linha de pesquisa voltada para o desenvolvimento de potencial biofármaco derivado de endostatina, atuante em patologias dependentes de angiogênese como câncer, retinopatia diabética, entre outras.

Chefe do Laboratório de Esquistossomose Experimental
Marilia Sirianni dos Santos Almeida (Currículo Lattes)

Chefe substituto (a) do Laboratório Esquistossomose Experimental
Miriam Tendler (Currículo Lattes)